Em busca de autonomia e renda, mães participam dos cursos do Qualificar ES nas Apaes

foto destaque
APAE ES
13 de maio de 2024
A rotina de Layla Jahring, 43, era bastante agitada no comando de uma fábrica de roupas femininas quando, há nove anos, ela decidiu abandonar tudo para cuidar do filho mais novo, Gustavo, uma criança com Síndrome de Down. Sua agenda foi preenchida com sessões de atendimentos terapêuticos, aulas de natação e qualquer atividade que contribuísse para o desenvolvimento do filho.
 
Quando o filho completou 2 anos, Layla voltou a trabalhar, mas sempre priorizando a agenda do filho. “Aprendi a fazer salgadinhos e comecei a vender. Fiz isso por seis anos, sempre conciliando com as atividades de Gustavo. Não posso trabalhar de carteira assinada, pois meus horários precisam ser flexíveis”, explicou.
 
Foi a possibilidade de trabalhar sem deixar de acompanhar as atividades do filho que fez Layla se inscrever nos cursos de maquiagem, design de sobrancelhas e cuidados com a pele pelo programa Qualificar ES, uma iniciativa da Secretaria da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (SECTI) que busca oferecer formação profissional acessível, promovendo autonomia financeira e suporte familiar.
 
Em parceria com a Federação das Apaes do Espírito Santo (Feapaes-ES), este ano o programa ofereceu, pela primeira vez, mais de 200 vagas gratuitas para cursos profissionalizantes em oito unidades de Apaes no Espírito Santo e na Vitória Down, instituições especializadas em atendimentos terapêuticos para pessoas com deficiência intelectual e múltipla, além de assistência aos seus familiares.
 
Nessas instituições, estão sendo realizados cursos profissionalizantes de cuidador de pessoas com deficiência, preparação de salgados, maquiagem, design de sobrancelhas e cuidados com a pele. A carga horária é de 90 horas, com duração de dois meses, e os participantes são familiares de pessoas com deficiência assistidos pelas instituições. Em sua maioria, mães.
 
“Quero ajudar na renda familiar sem abrir mão de acompanhar o desenvolvimento do meu filho. Gosto muito do mercado da beleza, estou adorando os cursos e pretendo investir nisso. É preciso agarrar as oportunidades que aparecem”, contou Layla, que tem aulas dentro da Vitória Down, mesma instituição onde o filho é assistido.
 
Apoio familiar
 
A oportunidade de ajudar na renda familiar também é o que motiva a dona de casa Roberta de Oliveira, 29 anos, moradora de Guaçuí. Ela é mãe da pequena Maria Emilly, 3 anos, que convive com a mielomeningocele.
 
“No sétimo mês de gravidez, recebi o diagnóstico da minha filha e, já naquela época, comecei a procurar tratamentos para ela em outros municípios, como Vitória e Belo Horizonte. Hoje, ela estuda, participa de atividades da Apae, vai à fonoaudióloga, à fisioterapia e tem aulas de balé”, conta.
 
A rotina de cuidados com a filha também exige que Roberta trabalhe em horários flexíveis, uma perspectiva que já consegue ter após se inscrever no curso de design de sobrancelhas e cuidados com a pele do Qualificar ES.
 
“É a oportunidade de aprender um ofício que dificilmente teria acesso, ainda mais de forma gratuita. O curso que estou fazendo tem um custo muito alto em outros lugares. Quando terminar, quero poder trabalhar na área de acordo com os horários que preciso para cuidar da minha filha”, disse Roberta.
 
Formatura
 
No próximo dia 21 de maio, os familiares que concluíram os cursos do Qualificar ES vão participar de uma cerimônia de formatura no Espaço Patrick Ribeiro, em Vitória. Para Maria das Graças Vimercati, presidente da Feapaes-ES, o programa é uma oportunidade para reintegrar no mercado de trabalho os familiares de pessoas com deficiência, especialmente as mães.
 
"Muitas deixaram seus empregos para se dedicar ao tratamento dos filhos. O programa não só proporciona novas habilidades profissionais, mas também restaura a autonomia dessas mulheres", destaca Maria das Graças.
 
Confira as instituições que receberam cursos do Qualificar ES:
Apae Cariacica: Maquiagem
Apae Colatina: Cuidador de pessoas com deficiência
Apae Guaçuí: Design de sobrancelhas e cuidados com a pele
Apae São Mateus: Preparação de salgados
Apae Serra: Design de sobrancelhas e cuidados com a pele.
Apae Viana: Design de sobrancelhas e cuidados com a pele
Apae Vila Velha: Design de sobrancelhas, e cuidados com a pele
Vitória Down: Design de sobrancelhas, cuidados com a pele e maquiagem
Apae Vitória: Design de sobrancelhas e cuidados com a pele