Usuários de Apaes capixabas são aprovados em cursos de ensino superior

Apae-ES
21 de março de 2019
Seis usuários de Apaes do Espírito Santo são aprovados em instituições de ensino superior.
Quando há oportunidade, há inclusão. A história de Kellvi Henrique Lopes Nascimento Sampaio comprova isso. Ele começou a frequentar a Apae de Iúna aos quatro anos, quando foi constatada uma deficiência auditiva que acarretou um atraso em seu desenvolvimento. Desde então, passou a ter todo o suporte que a Apae disponibiliza, como Fonoaudiologia e Psicologia.
 
Kellvi também foi matriculado em uma escola regular e frequentou o Atendimento Educacional Especializado (AEE) disponibilizado pela Apae de Iúna; e, hoje, com 18 anos, ele colhe os frutos de toda essa rede de suporte que ele recebeu. Kellvi  foi aprovado em três instituições de ensino superior (UFES em Alegre, UVV em Vila Velha e Facig em Manhuaçu/MG) e, em breve, começará a cursar Ciências Biológicas na cidade mineira.
 
“A gente acompanhou a vida toda dele. A gente sente muito orgulho de ver, acompanhar e fazer parte da trajetória dele”, conta Maria Dos Anjos de Souza, diretora da Apae de Iúna.
 
Kellvi é só um dos exemplos. Além dele, outros usuários das Apaes do Espírito Santo também foram aprovados em cursos superiores. Yago Victor dos Santos, da Apae de Cachoeiro de Itapemirim, Carlos Alberto Shaffel, da Apae de Domingos Martins, Elizabeti de Paula Costa, da Apae de Iúna, Ilson Cristiano Peçanha de Oliveira, da Apae de Marataízes, e Carla Francisca Caetano de Oliveira, da Apae de Venda Nova do Imigrante, poderão cursar o ensino superior este ano.
 
“Esses resultados na educação são extraordinários e quebram um paradigma em relação às pessoas com deficiência intelectual. Essas conquistas são, na verdade, fruto do trabalho colaborativo que as Apaes desenvolvem em parceria com as escolas regulares, na oferta do AEE”, afirma Vanderson Pedruzzi Gaburo, presidente da Federação das Apaes do Espírito Santo (Feapaes).
 
A Feapaes tem como objetivo a melhoria da qualidade de vida da pessoa com deficiência intelectual e múltipla e seus familiares. As Apaes são instituições que oferecem serviços especializado e de alta qualidade para todos que precisam  nas áreas de educação, saúde e assistência social.
 
Os profissionais envolvidos são altamente qualificados e trabalham para fornecer as habilidades, cuidados físicos e oportunidades necessárias para que as pessoas com deficiência intelectual e múltipla sejam incluídas na sociedade.